Coronas Temple

[Filler/Movie]: Epílogo Final

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

[Filler/Movie]: Epílogo Final

Mensagem por Pollux em Ter Abr 30, 2013 10:30 pm

Comentários:

Bom, procurei me esforçar para criar uma história que não fosse cansativa e espero que tenha conseguido (rs), a história tem como base um futuro após a luta contra Hades e o filme Prólogo do Céu do Saint Seiya Classic, peço desculpas antecipadas por qualquer erro que eu tenha cometido ou passado despercebido, obrigado por lerem e espero que gostem! Very Happy


_______________________________________________________________________________________________


“O tempo é a imagem móvel da eternidade imóvel.”


“Desde os primórdios da humanidade os deuses viviam em uma constante guerra pelo poder, para cada um deles foi dado um lugar, um reino, para que assim pudessem governar em paz, porém, suas fortes ambições jamais os possibilitaram de conviver em harmonia, guerras e mais guerras se sucederam desde os tempos mitológicos na busca do poder absoluto, os deuses, se consideravam seres perfeitos, para eles, não existia temor, quem seria capaz de superar tais divindades?”.



________________________________________________________________________________________________

Século XXI


“Tio Nicolas! Vem brincar com a gente!”

“Pode me ajudar a subir aqui?”
“Segura isso pra mim?”


Miho: Obrigada por me ajudar a tomar conta das crianças hoje, Nicolas!

Nicolas: Sem problemas, Miho!


Nicolas é o atual cavaleiro de Andrômeda do Século XXI, ele estava passando uns tempos no Japão e aproveitou para ajudar uma velha amiga que tomava conta de um orfanato.

Miho: Vamos crianças, é hora de irem dormir!

Alice: Tio Nicolas, uma vez a Tia Miho nos contou histórias sobre os deuses, ela disse que para eles o tempo não passa! E que era... Era... E...


Nicolas: Eterno?

Alice: Sim! Eterno!

Alice: Quanto tempo dura o eterno?

Nicolas: Às vezes apenas um segundo.

Lewis Carroll

A pequena garota fica sem entender.

Todas as crianças vão para o quarto para dormirem.

Miho: Bom, agora se deitem e durmam.

Alice: Tia Miho, o Tio Nicolas pode me contar uma história para dormir?

Miho: Alice... Ele já deve está cansado.

Nicolas: Tudo bem, não estou cansado! Que tipo de história você quer ouvir?



Alice: Hm... Como você é um cavaleiro, eu quero ouvir uma história de cavaleiros como você!

Nicolas: Está bem, a história que vou contar se passou há muito tempo atrás quando a deusa Athena lutou bravamente contra o deus supremo da criação, chamado de... Chronos...


...

________________________________________________________________________________________________

Século XX


“A história começa no Santuário de Athena...”.



Seiya: Saori, você precisa de mais alguma coisa?



Athena: Não Seiya, obrigada, pode ir descansar.



Seiya: Tudo bem, boa noite.

Depois de um longo dia, Athena vai para seus aposentos para repousar.








Porém, ao soar as doze badaladas...



Athena se encontrava em um lugar desconhecido... Será... Um sonho?



Athena: Onde será que estou? Isso não me parece um sonho...

Athena...

Athena escuta uma voz e se assusta.



Athena...

Athena: Quem é?

E pensar que a deusa que tem o dever de proteger à Terra se resumiria à alguém tão frágil como você...

Athena: Responda-me! Quem é você?!

CALE-SE!

Athena se espanta.

Como os deuses do olimpo decaíram... Como meros humanos puderam ser capazes de enfrentar e vencer deuses?! Isso é uma lástima!

E você, Athena! Foi a pior de todos! Você ficou do lado dos humanos que são seres patéticos e imprestáveis!

Athena: Não preciso lhe da satisfação do meus atos, nem ao menos sem quem você é, se é apenas isso que você queria me dizer, já disse.



Hahaha... Será? Será mesmo que você não sabe quem eu sou?! Não se lembra daquele que te deu origem, Athena?

Athena faz demonstra uma feição de medo e angústia.

Athena: Não pode ser... Você é... CHRONOS?! O TEMPO?!

Vejo que se lembrou, mas agora já é tarde demais... Para você, e o resto da humanidade!

Ao ouvir as palavras do deus do Tempo, Athena fica extremamente aflita!

O seu tempo, Athena, acabou...!



________________________________________________________________________________________________

Amanheceu.

Seiya se preocupa com o fato de Athena ainda está trancada em seus aposentos.

Ele bate na porta e pergunta.

Seiya: Soari está tudo bem?

Shun, cavaleiro de Andrômeda, chega ao local.



Shun: Seiya, o que houve?

Seiya: Eu não sei... A Saori sempre se levanta bem cedo logo ao raiar do dia, mas até agora ela está trancada e não me responde.


Shun: Realmente é estranho...

Seiya: Bom, não tem outro jeito...!

Seiya arromba a porta dos aposentos de Athena.

Seiya: Saori!

Eles avistam que Saori se mantêm deitada em sua cama.



Seiya: Ops! Acho que ela realmente só estava dormindo um pouco mais hoje... Hahaha!



Shun: Espere Seiya!



Seiya: O que foi Shun?

Shun: Não sinto nenhuma vitalidade vinda da Saori!

Seiya: É verdade! Não sinto nada vindo dela! Parece até um corpo vazio...




Seiya e Shun tentam acordá-la.

Seiya e Shun: Saori! Saori!


...

________________________________________________________________________________________________


“... Em um lugar desconhecido...”.



Uma voz ecoa por todos os lados daquele local.

E então, Athena, Como está se sentido?

Athena se encontrava presa dentro de uma enorme ampulheta!



Athena: O que pretende com tudo isso, Chronos?!



Hahaha! Quero me divertir com você antes que eu a apague completamente sua existência!

A deusa sem temor o pergunta.

Athena: Por que não se materializasse, Chronos? E afinal que lugar é esse?!

Não é necessário que você veja meu corpo... E sobre esse lugar... Aqui é “O Fim dos Tempos” a dimensão na qual eu vivi durante minha existência, a dimensão eterna.

Athena (Pensando): O... Fim dos Tempos?! Então é aqui...

Você, Athena, aliou-se aos humanos, seres que você teria o dever apenas de governar como uma soberana, mas você preferiu se rebaixar de modo a se assemelhar a eles!

Athena: Sinto lhe dizer Chronos mas a sua ideia sobre os humanos está errada! Humanos são seres fantásticos! Eles são capazes de se superar cada vez mais, além de possuírem emoções que lhes dão o poder para ultrapassarem seus limites!



BASTA!

Como uma deusa pode dizer tais absurdos?! Você é lastimável! Pois muito bem, fique ao lado desses seres insignificantes e tente me vencer! Hahaha!

Athena: Que seja! Jamais pensei em apoiá-lo.

Não sei em quem você deposita tanta coragem, Athena. Aqueles conhecidos por serem os seus protetores mais poderosos, os cavaleiros de ouro, morreram já faz algum tempo na luta contra Hades! Acha que o pouco de cavaleiros que lhe restou serão capazes de te salvar?!

Athena: Eu confio em meus cavaleiros, sei que eles conseguirão por um fim em seus planos.

Aconselho que você procure se preocupar mais consigo mesma.

Nesse momento eu estou aos poucos acabando com o Tempo dos humanos! Ou seja, estou findando com a humanidade, um mundo sem o Tempo para sustentar o equilíbrio da vida, não pode existir! Tudo começará a se desfazer e no fim eu darei início a gênesis de um novo mundo.



Athena se mantém firme mesmo com as palavras do deus do Tempo.

Mas você poderá atrasar esse triste fim da humanidade, o tempo que leva para que tudo acabe é o equivalente ao tempo dessa ampulheta, ao cair o último grão de areia nada mais irá existir! Mas você pode adiar esse processo com o seu cosmo de deusa, pode usar de seu cosmo para diminuir a velocidade do cair da areia, mas claro, nem mesmo você será capaz de impedir que isso aconteça!

Athena: Não importa, darei minha vida se necessário, e sei que meus cavaleiros irão impedi-lo.

Sem mais, Athena fecha os olhos e expande seu cosmo em um nível extremamente poderoso!

________________________________________________________________________________________________


“... De volta ao Santuário...”.


Seiya: O que vamos fazer Shun?! Ela não responde!

Shun: Não faço ideia Seiya... Parece-me que esse corpo está sem vida alguma...

“Seiya...”, “Shun...”...

Shun: Essa voz...!

Seiya: É da Athena! Saori!

“Seiya, Shun! Sim, sou eu, minha alma não está mais ligada a esse corpo, estou presa em uma dimensão chamada “O Fim dos Tempos””.


Shun: O fim...

Seiya: ...Dos tempos?!

“Sim, esse é o lugar onde o deus primordial, Chronos, o Tempo, esteve durante sua existência...”.

Seiya: Chronos...?!

“Sim, ele pretende destruir toda a humanidade, eu agora estou tentando atrasar seus planos com meu cosmo, mas não sei por quanto tempo irei conseguir aguentar...”.

Shun: O que podemos fazer para ajudá-la senhorita Saori?

“Chronos prendeu meu espírito dentro de uma ampulheta, o que me impede de voltar ao meu corpo normalmente...”.

“Mas para que possam enfrentar Chronos, vocês precisam de seus corpos, e devem ser capazes de chegar até essa dimensão com eles”.

Seiya: Como fazemos para chegar até esse lugar?

“Devem seguir em direção as Ruínas do Tempo...”.

Shun: Ruínas do Tempo?

“As ruínas estão situadas no leste da Grécia... Quando chegarem lá, vocês saberão o que fazer... Confiem em seus cosmos e vocês irão superar qualquer obstáculo...”.

A voz de Athena desaparece...

Seiya: Athena! Saori!!!

Shun: Seiya, não podemos perder tempo! Temos que agir o mais rápido possível para salvar a Saori!

Seiya: Você tem razão, Shun!



Os dois cavaleiros saem do templo de Athena para seguirem em direção as ruínas e colocam suas armaduras...

Ao saírem, eles encontram com dois de seus amigos, Hyoga e Shiryu.

Shiryu: Seiya!

Hyoga: Shun!

Seiya e Shun: Shiryu, Hyoga!



Shiryu: Para onde estão indo?

Hyoga: Onde está à Athena?


Seiya: Vamos contar a vocês no caminho!


Shun: Precisamos nos apresar! A senhorita Saori está correndo risco de vida!


Enquanto isso, alguns lugares já estão sofrendo com a maldição de Chronos.











Os jovens cavaleiros seguem o mais rápido possível em direção as antigas ruínas situadas no leste do Grécia.

Hyoga: Então foi isso que aconteceu...


Shiryu: Meu mestre já me falou desse lugar, ele disse que não se sabe como elas foram formadas, mas acreditam que o próprio Chronos as criou... Mas não se sabe o por que e para quê...




Seiya: A Saori disse que quando chegarmos lá, saberemos o que fazer!


Shun: Vejam! É ali?!


Os quatro cavaleiros chegam até o local. E todos se espantam ao ver o lugar.



Shun: Então essas são as Ruínas do Tempo?!

Shiryu: Sim, Shun!


Seiya: Pra mim parece apenas um monte de pedras inúteis...


Hyoga: Não Seiya! Posso sentir uma grande quantidade de poder cósmico emanando desse lugar.




Ao chegarem lá eles escutam uma melodia...

Shun: Que melodia bela e familiar...




Seiya: Essa música...

???: Há quanto tempo, cavaleiros de bronze.




Uma figura familiar sai por trás das pedras...

Shiryu: Você é o...


Seiya: Sorento!


Sorento: Sim, sou eu.




Sorento: Cavaleiros, vim aqui trazer-lhes um aviso de meu mestre.

Hyoga: Está falando de Poseidon?!


Shun: Ele voltou?


Sorento: Mesmo estando selada, a alma de Poseidon pôde se comunicar comigo através do senhor Julian Solo por alguns momentos, como fez durante a guerra contra Hades.

Seiya: O que ele disse, Sorento?!

Sorento: Para que cheguem até onde querem, devem elevar seus cosmos a um ponto no qual nunca elevaram antes, para assim quebrarem a barreira de espaço tempo, e esse é o único lugar que pode levá-los ao “Fim dos Tempos”.



Shiryu: Então é isso...

Shun: ... Elevar nossos cosmos...


Hyoga: ... Ao máximo...


Seiya: ... Será o que faremos para salvar Athena!


Sorento: Agora irei me retirar meus caros cavaleiros...

Shun: Mas Sorento...

Sorento: Não tenho intenção de ajudar Athena, apenas sirvo ao meu imperador, Poseidon.



Seiya: Mesmo não tendo intenção, você nos ajudou muito, Sorento!



Sorento se vira e da um leve sorriso e desaparece por trás de uma das pedras.

Seiya: Agora é nossa vez!


Todos: Sim!

Então todos ficam em circulo dentro do local e começam a expandir seus cosmos!

Todos: AAAAAAH!!!

Seiya: Argh! Precisamos de mais força!

???: Precisam de ajuda?!


Shiryu: Essa voz!


Shun: É você...?




Shun: Ikki!

Ikki: Pra variar acho que precisam da minha ajuda.




Seiya: Ikki a Athena...

Ikki: Eu já sei Seiya, para isso que eu vim.

Hyoga: Como ficou sabendo?

Ikki: Sorento já havia me contado antes de chegar até aqui.

Shun: Que bom meu irmão!


Ikki: Bom, o que estamos esperando?!




Todos juntos começam a aumentar seus cosmos ao máximo!











Todos: POR ATHENA!!!


Eles conseguiram atingir seus cosmos em tal ponto que foram capazes de fazer resurgir mais uma vez as formas supremas de suas armaduras.

Shun: Essas são...

Hyoga: ... As armaduras...

Shiryu: ... Que usamos...

Ikki: ... Para vencer Hades...


Seiya: ... As KAMUIS!



Nessa hora, a cosmo energia das antigas ruínas começou a se fundir com os cosmos dos cavaleiros de bronze!



Todos: VAMOS SALVAR O UNIVERSO E A SAORI!!!

Todos: ATHENAAA!!!


Feixes de luzes cósmicas se espalham por todos os lados!



As luzes começam a cessar voltando tudo ao normal, porém, os cavaleiros não se encontravam mais nesse lugar...

...

________________________________________________________________________________________________


“Na dimensão do Fim dos Tempos”

Athena (Pensando): Seiya...




HAHAHA! Então eles realmente vinheram!

Athena: É como eu te disse, Chronos, mesmo que as chances sejam mínimas, ou quase impossíveis, os humanos jamais desistiram de lutar!



É o que veremos, Athena.


...

Shiryu acorda e está bastante atordoado.

Shiryu: O-onde estou...?



Shiryu: Aqui... Aqui é “O Fim dos Tempos”?!





Shiryu avista seus companheiros desmaiados na areia.

Logo, todos começam a levantar.

Seiya: S-Shiryu...

Ikki: Pessoal estão todos bem?

Hyoga: Acho que sim.

Shun: C-Conseguimos, não é? Aqui é a “O Fim dos Tempos”?

HAHAHA! Sim, conseguiram! Devo lhes da meus parabéns! Achei que criaturas insignificantes como vocês humanos jamais teriam capacidade de chegar até essa dimensão! A dimensão eterna, mas claro que jamais chegariam aqui se não fosse graças a essas suas armaduras que vinheram sendo abençoadas pelo sangue de Athena.



Seiya: Você é Chronos, não é?! Onde está Athena?!

Um silêncio pairava no ar...

Shun: Minha corrente está me indicando que temos um inimigo por perto!


Um dos cavaleiros avista a figura de um homem em meio a uma pequena tempestade de areia.



Hyoga: Vejam! É um homem!


A pequena tempestade desaparece e os jovens se deparam com um homem bem velho


Ikki: Quem é você?!

???: Hm...? Não sabem quem sou?

Shun: Não sabemos quem você é, mas minha corrente está dizendo que você é um inimigo!


???: Hm... Então essa é a famosa corrente de Andrômeda? Interessante...

Hyoga: Fale logo quem é!




???: CALE-SE HUMANO!!!


O senhor começa a liberar um cosmo extraordinariamente poderoso! Jamais sentindo em qualquer outra batalha pelos cavaleiros de bronze!

Ikki: Que cosmo poderoso é esse?! Nenhum daqueles que enfrentamos chegou a ter tamanho poder!


Shiryu: Esse homem só pode ser...


???: HAHAHA! Finalmente perceberam, sim... EU SOU O SENHOR DO TEMPO! EU SOU CHRONOS!


Seiya: Ele é Chronos...!


Seiya: Chronos! Onde está Athena?!



Nessa hora os cavaleiros veem uma imagem criada por Chronos.



Chronos: Athena está presa dentro de uma ampulheta tentando impedir a destruição do mundo, pena que ela já está quase morta e com seu cosmo enfraquecendo cada vez mais! Logo, ela será engolida por toda a areia da ampulheta!




Seiya: Nós não vamos deixar que você faça isso, Chronos!

Todos: Vamos salvar Athena!

Chronos: Para isso precisam me vencer, e isso é impossível! Hahaha!

Ikki: Alguém com esse corpo velho e decrépito não me parece ser tão invencível assim!

Chronos: Esqueceram-se de que eu controlo o tempo!



Feixes de luzes emanam de Chronos! As luzes fazem com que todos fechem os olhos, mas quando abrem se deparam com uma surpresa desagradável!


Seiya: Não pode ser!

Shun: Ele mudou de forma!

Chronos: Surpresos?! Deixar-me com aparência mais nova não é nenhum problema para o próprio Tempo!

Seiya (Pensando): Isso não é bom!

Chronos: Se não estivessem usando essas armaduras com o sangue de uma deusa que é imortal eu poderia reduzi-los a pó facilmente agora!

Ikki: Não importa a forma que você tome! Nós iremos derrotá-lo!



Chronos: Vocês não passam de insetos perante a mim!

Ikki: Eu nunca fui de me curvar a deus algum! E não será agora que farei isso!

Ikki: AVE FÊNIX! (Hōyoku Ten Shō)


Hyoga: Nós iremos vencê-lo, Chronos!

Hyoga: PÓ DE DIAMANTE! (Diamond Dust)



Shiryu: CÓLERA DO DRAGÃO! (Rozan Sho Ryu Ha)



Shun: CORRENTE DE ANDRÔMEDA! (Nebula Chain)




Seiya (Pensando): Nós vamos te salvar, Soari! Aguente só mais um pouco!


Seiya: AAAH!!! METEORO DE PÉGASUS!!! (Pegasus RyuuseiKen)




Os cincos cavaleiros fazem um ataque em conjunto em direção a Chronos o que gera uma explosão de poder, porém...

Shiryu: Não pode ser!

Shun: Ele...

Seiya: Não sofreu nada com os nossos ataques!


Chronos: TOLOS! ESSES ATAQUES INSIGNIFICANTES JAMAIS ME TRARÃO UM ÚNICO ARRANHÃO! AGORA PROVEM O MEU PODER! TEMPESTADE DO CAOS!!! (Konton Gou – Kaosu Hyuetosu)


Ao lançar seu poderoso ataque, incríveis longas e negras agulhas descem do céu como se fosse chuva e penetram o corpo dos cavaleiros diretamente atravessando até suas armaduras divinas.

Todos: AAAHHH!!!


Chronos: Hahaha! Continuem a gritar seus insetos! Essas agulhas irão causar-lhes uma dor imensurável além de drenar suas vidas e seus cosmos!

Seiya: A... Athena...


Chronos: Hahaha! Está chamando por sua deusa? Pois muito bem, antes que morra, deixarei que a veja!

Chronos ergue uma das mãos e faz aparecer à ampulheta que Athena está presa, a enorme ampulheta fica flutuando no ar acima do deus.


Athena está com areia soterrada até seu busto e está bastante fraca.

Ao ver seus cavaleiros ela faz uma cara de susto e preocupação.

Athena: Seiya! Shun! Shiryu! Hyoga! Ikki!

Chronos: Esses são os cavaleiros que você tanto confiava, Athena?! Não passam de lixos!


Nessa hora, Seiya começa a se reerguer!

Seiya: Isso... Ainda... Não acabou, Chronos!!!


Todos os outros cavaleiros começam a se reerguerem como Seiya, mesmo com as agulhas perfurando seus corpos.

Shun: Nós não vamos desistir tão fácil assim...

Ikki: Vai precisar de muito mais que isso para nos vencer...


Chronos: Mas como???!!!

Athena sorrir.

Athena: É como eu lhe disse Chronos, os humanos jamais desistem mesmo que as chances sejam mínimas!

Shiryu: Nós só estamos começando...


Hyoga: Não nos daremos por vencidos!


Todos expandem seus cosmos e conseguem destruir as agulhas negras!

Todos: AAAAAAHHH!!!


Chronos: Não pode ser!!!

Todos: Prepare-se!!!


Ikki: O bater das asas da Fênix! AVE FÊNIX!!! (Hōyoku Ten Shō)




Shun: A grande tempestade! TEMPESTADE NEBULOSA!!! (Nebula Storm)



Hyoga: O zero absoluto! EXECUÇÃO AURORA!!! (Aurora Execution)



Shiryu: A técnica suprema do Dragão! CÓLERA DOS CEM DRAGÕES!!! (Rozan Hyakuryuu Ha)




Seiya: Com poder de todos, certamente nós vamos vencer! Me dê sua força Pégasus! COMETA DE PÉGASUS!!! (Pegasus Sui Sei Ken)


Chronos: Argh! Eles não desistem!


Os cavaleiros realizam um segundo ataque em conjunto usando suas técnicas mais poderosas.

Todos: AAAAAAHHH!!!

Depois de lançado os ataques uma enorme explosão se forma!


Todos ficam apreensivos.

Shun: Será que conseguimos dessa vez...?!

Eles começam a ver uma sombra em meio à explosão

Shiryu: N-não pode ser!


Chronos: ... Será que não conseguem entender...? SEUS ATAQUES NUNCA IRÃO ME AFETAR SEUS VERMES!!!

Seiya (Pensando): Não acredito! Nem mesmo nossas técnicas mais poderosas conseguiram nem ao menos feri-lo?!

Chronos: HUMANOS DEVEM SER SUBMISSOS AOS DEUSES! NÃO PASSAM DE UMA RAÇA FRACA E IMUNDA!

Chronos: EU SOU A PERSONIFICAÇÃO DO TEMPO! A VIDA DE TODOS ME PERTECEM!

Chronos: O TEMPO DA HUMANIDADE CHEGOU AO FIM...

Chronos: MORRAM HUMANOS! EXECUÇÃO DE CHRONOS!!! (Kurono Ekusukyūshon)




O poderoso ataque segue em direção a Seiya e seus amigos.

TODOS: AAAAAAAAAHHHHHHHHH!!!!!!

Todos têm suas armaduras divinas reduzidas a pó e seus corpos completamente feridos.







Athena: NÃÃÃO!!!

Chronos: Como sempre soube humanos jamais venceriam um deus.

Athena começa a chorar.

Chronos: Acabou, Athena! Você perdeu.

Seiya: A-ainda não...


Seiya começa a levantar...
Seiya: N-não me interessa se você é um deus, ou seja lá o que for... NÓS QUE SOMOS DONOS DAS NOSSAS VIDAS! E NÃO IMPORTA AS CHANCES, JAMAIS DESISTIREMOS DE LUTAR POR ELA!



Nesse momento todos extremamente debilitados e sem nenhuma proteção em seu corpo levantam e se juntam a Seiya.


Chronos: VOCÊS FICARAM LOUCOS?! SÓ ESTÃO CONSEGUINDO FALAR GRAÇAS A PROTEÇÃO DAQUELAS ARMADURAS! SE NÃO FOSSE POR ELAS TODOS JÁ ESTARIAM MORTOS! MAIS UM ATAQUE E NÃO IRÃO MAIS EXISTIR!

Ikki: Então não iremos permitir que nos ataque de novo!


Nesse momento todos liberam uma quantidade de cosmo gigantesca.

Chronos: Por que não desistem?! Se continuarem a aumentar seus cosmos seus corpos serão destruídos!

Shun: Nós não temos outra escolha, se não fizermos isso seremos mortos por você, não é?!

Chronos: Mesmo que me vençam se matando, do que irá adiantar?! Vocês não estarão mais aqui.


Hyoga: Mas certamente outros estarão.

Shiryu: Ficaremos felizes em morrer para que outros possam viver em um mundo de paz!

Chronos olha seriamente para os cavaleiros, mas também com uma feição de dúvida.


Athena: Eles não são como os deuses que são egoístas, Chronos! Os humanos se preocupam uns com os outros, protegendo um ao outro sem se importar com o que possa acontecer com sigo!

Ikki, Shun, Hyoga e Shiryu depositam todo seu cosmo no cavaleiro de Pégasus.

Chronos: MAS O QUE É ISSO?! Esse cosmo... É como o Big Bang... NÃO, É SUPERIOR?!

Athena: Os deuses não são invencíveis, Chronos! ELES MESMOS CRIARAM AQUELES QUE SÃO CAPAZES DE SUPERÁ-LOS!!!!!!

Chronos: IMPOSSÍVEL! ELES NÃO PODEM SER CAPAZES DE SUPERAR A FORÇA DA EXPLOSÃO QUE CRIOU O UNIVERSO, O BIG BANG!

Chronos: ELES NEM AO MENOS SÃO CAVALEIROS DE OURO!

Athena: A força de um cavaleiro não é medida por sua armadura, e sim, PELO PODER DO SEU COSMO!

“A esperança é o alimento da nossa alma.”
Os cavaleiros começam a se despedir e confiar todo seu poder a Seiya de Pégasus.

Ikki: Chute a cara desse deus maldito!



Hyoga: Acreditamos em você!




Shiryu: Estaremos sempre juntos, Seiya!



Shun: Faça um milagre como sempre fez!



Ikki, Hyoga, Shiryu e Shun: VOCÊ VAI CONSEGUIR SEIYAAA!!!



Todos os quatro cavaleiros desaparecem em forma de cosmo energia se fundido com o cosmo de Pégasus.



Athena fala com Seiya telepaticamente.

Athena: Confio em você... Seiya...!

Seiya: Meus amigos... Saori... EU VOU CONSEGUIR!!!


Chronos: IDIOTAAA!!! EXECUÇÃO DE CHRONOS!!! (Kurono Ekusukyūshon)





Seiya: AAAAHHH!!! COMETA BIG BANG DE PÉGASUS!!!!!! (Pegasus Sui Sei Ken Kiseki)

O último grão de areia da ampulheta cai.



Chronos: Não...




Chronos: ... Não pode ser...
Depois do ataque, uma luz toma conta de todo o lugar!





“O impossível está a um passo da nossa superação, apartir do momento que nos superamos algo impossível se realiza.”



...

________________________________________________________________________________________________





Athena: S-Seiya… Shun…

Uma voz faz alguns comentários enquanto olha para a cena de uma deusa e seus cavaleiros.

Seiya: Saori!!!


Shun: O-o que aconteceu aqui?!

Seiya: N-Nós voltamos no tempo?!


... Bem... No final das contas, acho que nós deuses não somos perfeitos...
Shiryu e Hyoga chegam ao local.

Shiryu e Hyoga: Seiya! Shun!

... Hahaha, quem diria que humanos fossem seres tão intrigantes...
Seiya: Shiryu! Hyoga!

Shun: Onde será que está meu irmão?


Shiryu: Não sabemos...


Athena: O Ikki está bem, posso senti-lo em algum lugar nas proximidades.




Shun: Que bom!


Seiya: Saori, como voltamos?



Athena: Acho que o Tempo mudou de opinião.


... Será que eles têm limites? Ou será que...



________________________________________________________________________________________________

Nicolas: E foi assim que aconteceu.

Nicolas vê que a pequena menina estava dormindo.


Ele da um sorriso e se levanta.

Miho: Foi uma bela história.



Nicolas: Miho! Não vi que estava ai, haha.


Miho: Os cavaleiros de sua história são aqueles que te antecederam, não é?


Nicolas: Sim, agora eu uso a armadura de Andrômeda, antes quem a usava era o Shun.



Miho: E quanto às outras armaduras dos outros quatro cavaleiros?

Nicolas: Ainda não apareceram seus portadores.


Miho: Como ficou sabendo dessa história que se passou há tanto tempo atrás?


Nicolas sorri e diz.



Nicolas: “O tempo pode apagar lembranças de um rosto, um corpo, mas jamais apagará lembranças de Pessoas que souberam fazer de pequenos instantes, grandes momentos.”.


The End

____________________________________________________________________________________



Última edição por Andromeda no Nicolas em Qua Maio 01, 2013 3:08 pm, editado 8 vez(es)

_________________
avatar
Pollux

Mensagens : 425
Cosmos : -87997804
Data de inscrição : 09/04/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Filler/Movie]: Epílogo Final

Mensagem por Aiacos em Ter Abr 30, 2013 10:55 pm









_________________
"Let´s dance!"


avatar
Aiacos
Berseker
Berseker

Mensagens : 1477
Cosmos : 20008823
Data de inscrição : 03/02/2013
Idade : 26

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Filler/Movie]: Epílogo Final

Mensagem por -=|R.R.|=- em Ter Abr 30, 2013 11:35 pm

FODAAA!!!!!






Muito, muito bom! Li com as vozes dos personagens de tão bem feito! Excelente história!


Mas como sempre sou meio chato, a cor da fonte usada pelo Hyoga (ciano) é muito ruim de ler hehehehe


Mas ficou muito bom mesmo! Até a personalidade dos bronzeboys ficou perfeita! E pesquisou muito bem, até os golpes do Crhonos! Muito legal!!!

_________________
"As Flores brotam, e morrem...As estrelas Brilham, Mas um dia se apagarão...Tudo morre...A terra,o Sol, a Via Láctea e até mesmo todo este universo não é exceção! Comparado a isto, a vida do homem é tão breve e fugidia quanto um piscar de um olho...Neste curto Instante, os homens nascem, riem, choram, lutam, sofrem, festejam, lamentam, odeiam pessoas e amam outras! Tudo é transitório...E em seguida, todos caem no sono eterno chamado morte."
avatar
-=|R.R.|=-
Mestre Cervejeiro
Mestre Cervejeiro

Mensagens : 953
Cosmos : -87994770
Data de inscrição : 12/01/2013
Idade : 36
Localização : Santuário - Grécia

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Filler/Movie]: Epílogo Final

Mensagem por Pollux em Ter Abr 30, 2013 11:53 pm

Que bom que gostaram! ^-^

PS: Ambar, eu pensei nisso também mas como são poucas cores disponíveis ficou complicado kkk, ai pensei no Ciano pq achei que combinaria mais com ele e ficaria diferente dos outros... Só não quis colocar Azul Escuro na fala do Hyoga pq achei que iria ficar muito parecido com a do Seiya, mas eu acabo de modificar e percebi que não ficou tão ruim e melhorou a leitura eu acredito. Razz

_________________
avatar
Pollux

Mensagens : 425
Cosmos : -87997804
Data de inscrição : 09/04/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Filler/Movie]: Epílogo Final

Mensagem por -=|R.R.|=- em Qua Maio 01, 2013 12:00 am

Andromeda no Nicolas escreveu:Que bom que gostaram! ^-^

PS: Ambar, eu pensei nisso também mas como são poucas cores disponíveis ficou complicado kkk, ai pensei no Ciano pq achei que combinaria mais com ele e ficaria diferente dos outros... Só não quis colocar Azul Escuro na fala do Hyoga pq achei que iria ficar muito parecido com a do Seiya, mas eu acabo de modificar e percebi que não ficou tão ruim e melhorou a leitura eu acredito. Razz

agora sim! Perfeito! cheers

_________________
"As Flores brotam, e morrem...As estrelas Brilham, Mas um dia se apagarão...Tudo morre...A terra,o Sol, a Via Láctea e até mesmo todo este universo não é exceção! Comparado a isto, a vida do homem é tão breve e fugidia quanto um piscar de um olho...Neste curto Instante, os homens nascem, riem, choram, lutam, sofrem, festejam, lamentam, odeiam pessoas e amam outras! Tudo é transitório...E em seguida, todos caem no sono eterno chamado morte."
avatar
-=|R.R.|=-
Mestre Cervejeiro
Mestre Cervejeiro

Mensagens : 953
Cosmos : -87994770
Data de inscrição : 12/01/2013
Idade : 36
Localização : Santuário - Grécia

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Filler/Movie]: Epílogo Final

Mensagem por Thanatos em Qua Maio 01, 2013 5:07 am



Que trampo foda!
avatar
Thanatos
Garanhão Coronas
Garanhão Coronas

Mensagens : 1146
Cosmos : -78991838
Data de inscrição : 12/02/2013
Idade : 30
Localização : Grécia

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Filler/Movie]: Epílogo Final

Mensagem por Pollux em Qui Maio 02, 2013 12:31 pm

Taurus no Mirapolos escreveu:

Que trampo foda!

Vlw Mirapolos! *-*

_________________
avatar
Pollux

Mensagens : 425
Cosmos : -87997804
Data de inscrição : 09/04/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [Filler/Movie]: Epílogo Final

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum